Inverno começa com previsão de temperaturas acima da média

0

O inverno no Hemisfério Sul começa às 12h54 desta sexta-feira (21/06). Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o fenômeno El Niño, que acompanhou o Brasil no verão e no outono, deverá continuar influenciando o tempo: um aquecimento acima do normal na parte do Pacífico próxima ao Equador, o que dificulta a entrada do ar frio.

Ainda segundo o Inmet, a probabilidade da ação do El Ninõ passa de 50% – a consulta foi feita em centros internacionais de meteorologia. O site Climatempo prevê que durante o inverno de 2019, \\”quase todas as ondas de frio serão desviadas para o oceano\\” e \\”deve terminar com temperaturas acima da média\\”.

Independente disso, a véspera da estação em Santa Catarina teve temperaturas abaixo de 0ºC. Nesta quinta-feira (20), houve geada nos municípios da Serra do estado. Nevoeiros também mudaram a paisagem do Vale do Itajaí e do Litoral Norte catarinense.

Veja a previsão por região do Brasil:
Com informações o Inmet e do site Climatempo:

Norte
As chuvas devem ficar ligeiramente abaixo da média para a região, com exceção do Acre, noroeste do Amazonas e sudeste do Pará. As temperaturas, no entanto, devem se enquadrar no previsto para a estação. Vale lembrar que nesta época a falta de chuva, junto com o calor e a baixa umidade relativa do ar, aumenta a chance da incidência das queimadas.

Nordeste – As chuvas podem ficar abaixo da média em algumas regiões, principalmente na costa leste.

Na maior parte dos estados, a temperatura deve ficar dentro da média prevista. No interior, o calor deve ser um pouco acima do normal. Inicia-se o período de seca, com baixos índices de umidade. Eventos de chuva forte, no entanto, podem ocorrer em partes isoladas, principalmente no litoral.

Centro-oeste – As chuvas devem ficar abaixo da média, com temperaturas mais altas e com massa de ar quente e seco. Esse cenário deverá ser mais intenso nos meses de agosto e setembro. É comum que a região fique sem chuva por várias semanas – se ocorrer, será em pequenas áreas e com pancadas repentinas.

Sudeste
Assim como na região Centro-oeste, o inverno é o período mais seco do ano no Sudeste, especialmente para o norte de Minas Gerais. No entanto, as chuvas podem ser acima da média no período, principalmente em setembro e no sul do estado de São Paulo. As temperaturas ficam acima da média da estação, com declínios acentuados devido à passagem de massas de ar frio.

Sul – Com chuvas acima da média para um inverno na região, haverá uma maior frequência de frentes frias, contribuindo para uma maior variação de temperatura. O frio intenso deve atingir a metade sul do Rio Grande do Sul e a parte leste de Santa Catarina, com temperaturas que podem chegar a abaixo de 0ºC. Fonte: G1

Campartilhe.

Comentários desativados.