Lei Seca registra altos índices de alcoolemia no interior do estado do Rio

0

Em Campos dos Goytacazes, 36,5% dos abordados numa das blitzes estavam dirigindo sob efeito de álcool

A Operação Lei Seca realizou ações de fiscalização em todo o estado no último fim de semana. E, no interior, as cidades de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, e Teresópolis, na Região Serrana, chamaram atenção pelo número expressivo de casos de alcoolemia registrados entre sexta-feira e domingo (10 a 12/09).

Em Campos dos Goytacazes, 141 motoristas foram abordados no período, e 42 deles estavam dirigindo sob efeito de álcool. No domingo, a blitz foi realizada no município em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), na altura do km 71 da BR-101. Apenas nesta blitz, 63 motoristas foram abordados e 23 deles estavam dirigindo embriagados, o que representa 36,5% do total de abordagens.

Já em Teresópolis, foram realizadas blitzes na sexta e no sábado. Durante as ações, 160 motoristas foram abordados, e 43 casos de alcoolemia, registrados.

  • Os altos índices de alcoolemia que as cidades do interior estão registrando durante as nossas ações de fiscalização são preocupantes. Por isso, vamos intensificar as ações em diferentes regiões como Sul Fluminense, Serrana, entre outras, para continuar salvando vidas – afirma o superintendente da Operação Lei Seca, tenente-coronel Fabio Pinho.

As ações de fiscalização da Operação Lei Seca têm o objetivo de conscientizar os motoristas sobre os riscos do consumo de bebida alcoólica antes de dirigir, além de prevenir e reduzir acidentes de trânsito. Fonte: Governo do Estado do Rio de Janeiro

Campartilhe.

Comentários desativados.