Noroeste Fluminense receberá polo de cirurgia bariátrica através do SUS

0

O Programa Estadual de Cirurgia Bariátrica, que está comemorando este mês o aniversário de 10 anos, será ampliado. De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Alex Bousquet, quatro novos polos para cirurgia de redução de estômago serão implantados e Região Noroeste Fluminense, deve ser um das contempladas.

Com a criação de quatro novos polos, além de ampliar o cuidado a pessoas superobesas, a expectativa da Secretaria de Estado de Saúde (SES) é reduzir drasticamente a fila por cirurgia bariátrica ou zerar. Outro ponto positivo, é ofertar o atendimento em unidades mais próximas das residências dos pacientes, evitando grande deslocamentos.

Como se habilitar para a cirurgia

Para se candidatar a uma cirurgia bariátrica pelo SUS, o paciente deve procurar atendimento em uma Clínica ou Posto de Saúde da Família/próximo da residência para que um médico avalie a necessidade da intervenção. Se a operação for indicada, o médico solicita uma segunda avaliação para a Central Estadual de Regulação (CER), que encaminha o pedido de forma on-line. O paciente é contatado e tem uma consulta de avaliação marcada. Antes da cirurgia, há um rigoroso programa de preparo obrigatório, com acompanhamento de uma equipe multidisciplinar (médico, enfermeiro, nutricionista e psicólogo). A idade para realização do procedimento varia dos 16 anos aos 65. Após o procedimento cirúrgico, os pacientes ainda são acompanhados por cinco anos no Hospital Estadual Carlos Chagas.

Fonte: Noroeste Agora

Campartilhe.

Comentários desativados.